Passageira do uber tarada. ( Fato verídico)

Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on TumblrShare on Reddit

Olá me chamo Tony e vou relatar algo q me aconteceu recentemente e me surpreendeu muito. Pois bem com a chegada do uber no Brasil eu passei a trabalhar pra garantir um extra. Gosto de trabalhar nos fins de semana principalmente a noite,pois os preços são mais altos e sempre dou boas risadas com a galera bêbada. Tenho um ditado comigo q sempre funciona, q diz q homem quando bebe fica valente e mulher quando bebe fica tarada.Vamos ao fato. Estava trabalhando normalmente quando sou solicitado por um passageiro de nome Roberto, chegando no local está ele e uma mulher q por sinal muito linda e atraente, estava com um vestido justíssimo branco um espetáculo. E já comecei a estranhar quando os dois embarcaram ele sentou no banco da frente e ela no de trás, ele disse q por está muito bebado pediu pra deitar o banco pois a viagem seria longa e ele queria dormir. Aceitei de boa e iniciamos a viagem de Copacabana até campo grande no RJ, quem conhece sabe q é longe um ponto do outro. Daí q tudo começou, ele logo dormiu e a Sabrina esse era o nome dela puxou assunto perguntando logo se eu era casado, eu disse q sim pois sou mesmo e ela dizendo q eu a brochei q poderia ter mentido pois ela queria ” brincar”, disse q o fato de eu ser casado não impediria de brincar aí ela perguntou se eu tinha certeza e respondi q sim, ela chegou mais pra frente e começou a beijar meu pescoço com o marido dela apagado no outro banco, enlouqueci perguntei se ela tava louca e ela disse q sim mas q de tesão e aquele corno não iria come- la quando chegasse em casa visto seu estado alcoólico, embarquei na aventura e ela foi me atiçando e tocando punheta até eu arrumar um lugar pra parar q desse pra eu come-la antes de chegar em casa. Conhecedor do RJ sei de várias ruas q dá pra fazer isso, desviei a rota e fui pra ilha do governador numa praia logo na entrada do bairro parei o Carro e descemos sentei ela no capô nem tirei sua roupa a beijei com vontade afastei sua calcinha pro lado pus a camisinha e empurrei a rola de uma vez, ela tava encharcada meu pau é mediano 17,5 mas é bem grosso a cachorra gozou rápido uma atrás da outra q tesão de mulher e quando eu metia e via o corno no banco desmaiado me dava mais tesão ainda. Pra completar coloquei ela debruçada na janela do corno com aquele rabo lindo pra mim soquei no rabo dela e ela com a respiração toda no rosto do corno quando anuncie q iria gozar ela se ajoelhou e pediu pra lambuzar a Cara dela de porra q ela adorava ser feita de puta. Gozei muito na cara dela e fomos embora assim ela toda esporrada até em casa. Mas como nem tudo é perfeito eu perdi o contato dela e não consigo acha-la então se por acaso Sabrina de campo grande esposa do Roberto entre em contato comigo pelo Twitter. Saudades. @toni_safado.

 

Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on TumblrShare on Reddit



Nenhum comentário


Você pode deixar o primeiro : )



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Humano? * Tempo limite excedido